Martech

Tudo o que você precisa saber sobre UTM's

Floresta
Business Development Representative

Tudo o que você precisa saber sobre UTMs

UTM (Urchin Tracking Module) é uma ferramenta que permite rastrear o tráfego do seu site em detalhes. Um UTM é um pedaço de código adicionado ao final de um URL e permite que você veja onde as conversões e o tráfego foram gerados em seu site.

Embora seja possível rastrear de onde vieram determinados usuários, os UTM's permitem um rastreamento muito mais específico e são a forma universal de avaliar ações de marketing, sido usados ​​em qualquer ferramenta de análise, como a Amplitude.

Sobre as UTM's…

📌  Elas ajudam a medir o valor de suas ações e campanhas de marketing e avaliar o ROI;

📌  Fornecem dados precisos sobre conversões e origens de tráfego;

📌  Elas permitem testes A/B de postagens individuais.

Os UTM's têm várias seções, algumas obrigatórias e outras opcionais:

Campos obrigatórios:

  • Campaign name (utm_campaing): este é o nome da campanha, que irá identificar para onde você está direcionando o tráfego, pode ser o nome de um produto específico ou de uma campanha de marketing.
  • Campaign Source (utm_source): origem refere-se à origem do tráfego, ou seja, a página de onde vem o usuário, como twitter, newsletter ou google. Normalmente neste campo você coloca a plataforma que usou para criar o conteúdo, por exemplo, Linkedin ou Instagram, Google Ad, etc.
  • Campaign Medium (utm_medium): mídia é o tipo de canal específico do qual o usuário está vindo (post, tweet, banner, e-mail, etc.). Combinado com a fonte, você pode determinar exatamente qual anúncio, postagem ou e-mail foi clicado para chegar ao seu site.

Campos opcionais:

  • Campaign Content (utm_content): este campo se refere ao conteúdo da mídia, e pode te ajudar a acompanhar os diferentes anúncios que você está fazendo no mesmo canal, é muito útil principalmente para testes A/B.
  • Campaign Term (utm_term): os termos da campanha permitem rastrear palavras-chave, como as do Google AdWords.

Boas práticas

Estabelece um método de nomenclatura claro e consistente.

Crie e documente os nomes dos diferentes parâmetros dos UTM's, especialmente os campos Medium e Source. Nossa recomendação é que você crie um documento onde explique as regras ou convenções que você estabelece para a criação de UTM's personalizados.

Algumas dicas para nomear parâmetros:

  • Evite usar letras maiúsculas: os UTM's diferenciam maiúsculas de minúsculas, portanto, cada variação será registrada como um UTM diferente (por exemplo, usará “facebook”, “Facebook” e “FACEBOOK” como três parâmetros diferentes).
  • Use sublinhados em vez de espaços: dentro do UTM os espaços são substituídos por %20, e qualquer variação de espaços e hifens pode significar que mais tarde, ao analisar seus dados, você encontrará informações fragmentadas.
  • Mantenha a nomenclatura simples: quanto mais simples forem seus UTM's, menor a chance de cometer erros ao usá-los, e eles também permitem que você veja mais facilmente quais são os UTM's apenas olhando o link.

Monitore seus UTM's constantemente:

É importante que além de criar e usar os UTM's, você esteja constantemente analisando como eles estão funcionando e medindo o que está funcionando e o que não está.

Registre suas UTM's em uma planilha

Quando você começa a usar UTM's, especialmente se você tiver muitos deles, é muito fácil que eles fiquem desorganizados. Para maior nitidez, o ideal seria incluir no mesmo formulário o link completo, a versão abreviada, data de criação e algum espaço para notas/referências.

Se você usa UTM's diariamente, recomendamos que você dê uma olhada em nosso Gerador de UTM's (um recurso totalmente gratuito), que servirá tanto para criar links de rastreamento em lotes em minutos, quanto para manter um registro organizado de todos os UTMs e campanhas em que eles estão sendo usadas.

👇  Baixe aqui 👇

https://www.productminds.io/resources/gerador-de-utms-em-portugues?utm_source=newsletter&utm_campaign=UTM%20Template&utm_medium=blog

//Facebook Pixel